Das Pedras Também Brota Água




Recomendar livro a um amigo
Temas: Poesia

6,30 €
detalhes do preço

Stock: esgotado


Sinopse:

O autor diz, na poética dos escritos, o seu ser cego: «Entre cego e mendigo / Das pedras também brota água / E o entre dá a frágua / Do amor ser ver sofrido». Da realidade do não-ver à prosperidade do a-ver, comunga-se a tarefa do não-visto. Identidade de um viver teimosamente hostil mas revelador – no lugar pleno que a escrita aventura – da largueza do conceito de visão.

Detalhes:

Ano: 1995
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 96
Formato: 21x15
ISBN: 972-8288-07-7
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
30/05/2018
MÚSICA CATÓLICA EM MACAU NO SÉCULO XX, da autoria de Dai Dingcheng
LANÇAMENTO: Dia 30 de Maio de 2018 (4.ª feira), às 18h30, no Centro Científico e Cultural de Macau, em Lisboa

25/05/2018
MEMÓRIAS DE UMA FALSIFICADORA – A Luta na Clandestinidade pela Liberdade de Portugal, de Margarida Tengarrinha
APRESENTAÇÃO: Dia 25 de Maio de 2018 (6.ª feira), às 18h00, na Universidade Popular do Porto. Apresentação: Doutor Manuel Loff e Doutor Silvestre Lacerda

24/05/2018
NEM TUDO ACONTECE POR ACASO, da autoria de Manuel do Nascimento
APRESENTAÇÃO: Dia 24 de Maio de 2018 (5.ª feira), às 16h00. Biblioteca da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Apresentação: Dr. Ângelo Rodrigues

23/05/2018
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
LANÇAMENTO: Dia 23 de Maio de 2018 (4.ª feira), às 18h30, na Biblioteca / Espaço Cultural Cinema Europa, em Campo de Ourique (Lisboa). Apresentação: Irene Pimentel e Mário de Carvalho

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99