Das Pedras Também Brota Água




Recomendar livro a um amigo
Temas: Poesia

6,30 €
detalhes do preço

Stock: esgotado


Sinopse:

O autor diz, na poética dos escritos, o seu ser cego: «Entre cego e mendigo / Das pedras também brota água / E o entre dá a frágua / Do amor ser ver sofrido». Da realidade do não-ver à prosperidade do a-ver, comunga-se a tarefa do não-visto. Identidade de um viver teimosamente hostil mas revelador – no lugar pleno que a escrita aventura – da largueza do conceito de visão.

Detalhes:

Ano: 1995
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 96
Formato: 21x15
ISBN: 972-8288-07-7
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
22/10/2018
RITMOS AFECTIVOS NAS ARTES PERFORMATIVAS, da autoria de Ana Pais
LANÇAMENTO: Dia 22 de Outubro de 2018 (2.ª feira), às 19h00, no Teatro Municipal São Luiz. Conversa com Paula Varanda, Pedro Gil, Rui Pina Coelho e a Autora

20/10/2018
A DIMENSÃO TEATRAL DO AUTO DA FÉ, da autoria de Bruno Schiappa
APRESENTAÇÃO: Dia 20 de Outubro de 2018 (sábado), às 17h00, no Átrio do Teatro Nacional D. Maria II, em Lisboa

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99