Filarmónica de Alegrete

As memórias que o tempo guardou




Recomendar livro a um amigo

17,50 €
detalhes do preço

Stock: esgotado


Sinopse:

A Banda de Alegrete sempre exerceu, em mim, um fascínio que não consigo explicar. Apesar de fisicamente ausente, mantive-me ligado à minha Filarmónica, nos momentos de exaltação e especialmente nos momentos de dificuldades. Sempre disponível, ajudei quando necessário, nas mais variadas circunstâncias: reforcei, em diversos momentos, como executante; colaborei na administração; participei na Escola de Música, nos últimos vinte anos; exerci funções nos corpos sociais durante cerca de dezanove anos. A Filarmónica de Alegrete, pelo seu honroso percurso merece ser eternizada e a melhor forma de o fazer é registar, quanto antes, todos os acontecimentos que a glorificaram dos quais ainda há memória. É minha convicção que, com este modesto trabalho, contribuirei para que as gerações vindouras de alegretenses se orgulhem do passado histórico da sua erra, da sua filarmónica. É, ao mesmo tempo, uma forma de tornar ainda mais conhecida, perante a comunidade global, uma instituição cultural que, ao longo de cerca de 143 anos, pelo seu brio, pela sua paixão, pelo seu entusiasmo, conquistou o direito à memória de todos.

Índice:

O AUTOR:
António Israel Fernandes Delicado é actualmente Professor Aposentado. Nasceu em 1943 em Alegrete – Portalegre. Fez Licenciatura em Contabilidade e Administração no ISCAL e exerceu no Ensino Público como Professor de Contabilidade e Administração, Matemática e Educação Musical. Tem, ao longo da sua vida, realizado formação em diversas áreas do saber e da cultura, tais como, o Curso Superior de Composição pela Escola Superior de Composição de Música de Lisboa e o Curso de Regentes de Filarmónica.
Foi músico profissional nas Bandas do Exército e da Filarmónica de Alegrete. Dinamizou diversos projectos pedagógicos na área da música, formação de bibliotecas e associativismo popular.
Dedicou ao longo da sua vida uma paixão incondicional pela vila de Alegrete e a sua Filarmónica, sendo, há largos anos, Presidente do Conselho Fiscal e da Mesa da Assembleia Geral da Sociedade Recreativa Musical Alegretense.

Detalhes:

Ano: 2010
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 224
Formato: 23x16
ISBN: 978-989-689-042-1
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
16/12/2017
CONTOS PRÓDIGOS (e outros) VADIOS, da autoria de Conceição Oliveira
LANÇAMENTO: dia 16 (sábado) de dezembro de 2017, pelas 16h00, na Biblioteca Municipal de Aveiro

16/12/2017
EM NOME DO FILHO, da autoria de Manuel da Luz
LANÇAMENTO: Dia 16 de Dezembro de 2017 (sábado), às 15h15, no Museu de Portimão. Apresentação: Dr.ª Dália Paulo

16/12/2017
ANARQUISMO MODERNO, MAS NÃO PÓS-MODERNO, Org: António Cândido Franco, Carlos Abreu, João Freire, Manuela Parreira da Silva, Maria Alexandre Lousada
LANÇAMENTO: Dia 16 de Dezembro de 2017 (sáb.), às 15h00, no Museu do Aljube, em Lisboa. Apresentação: José Bragança de Miranda

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99