O Xadrez sem Mestre




Recomendar livro a um amigo
Autoria: Carlos Loures

Sinopse:

Numa tarde de Primavera de 2008, um professor de Literatura da Universidade de São Paulo, grande teórico de xadrez, é assassinado a tiro numa cafetaria da Baixa lisboeta. A partir deste crime desenrolar-se-á uma complexa teia de situações, envolvendo múltiplas personagens e as relações entre elas. “Xadrez” é, pois, aqui interpretado numa múltipla acepção: de jogo, de símbolo de cárcere e de mosaico de situações. A narrativa, construída como um thriller, viaja entre a actualidade e o final dos anos 60, às lutas académicas, às prisões, às torturas infligidas pela polícia política, à guerra colonial. Esta obra faz parte de uma triologia de romances, autónomos, com histórias e personagens diferentes, que têm em comum 1968, esse annuns horribilis para o regime ditactorial. É nesta interacção entre épocas diferentes que se baseia a lógica narrativa dos três livros – Talvez um Grito, A Mão Incendiada e O Xadrez sem Mestre.

Índice:

[pedidos, em Portugal, à Âncora Editora: ancora.editora@ancora-editora.pt]



O AUTOR:

Carlos Loures nasceu em 1937, em Lisboa. Entre 1958 e 1960, coordenou a revista Pirâmide, de raiz surrealista, na qual colaboraram Mário Cesariny de Vasconcelos, Raul Leal, Luiz Pacheco, Edmundo de Bettencourt, Ernesto Sampaio, Herberto Helder, António José Forte, Alfredo Margarido, Ángel Crespo e tantos outros. Com Miguel Simões, organizou três antologias temáticas de poesia portuguesa: Hiroxima (1967), Vietname (1970) e Poemabril (1984).
Autor de diversas recolhas poéticas, estreou-se na ficção em 1985 com o romance Talvez um Grito. Seguiram-se A Mão Incendiada (1995) e A Sinfonia da Morte (2008). Os doisd primeiros integram a trilogia 1968, que com O Xadrez sem Mestre agora se completa.

Detalhes:

Ano: 2012
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 242
Formato: 23x16
ISBN: 978-989-689-147-3
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
29/06/2019
SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES E O CONCELHO DE SILVES, da autoria de Aurélio Nuno Cabrita
LANÇAMENTO: 29 de junho (sáb.), às 16h00, no Auditório Francisco Vargas Mogo, CCAM, em São Bartolomeu de Messines. Apresentação: Prof.ª Doutora Maria João Raminhos Duarte

21/06/2019
ARTES PLÁSTICAS, da autoria de Paula Henriques
APRESENTAÇÃO: dia 21 de Junho (6.ª feira), às 18h00, na Casa do Alentejo em Lisboa. Apresentação: Margarida Tengarrinha

19/06/2019
O TRIUNFO DOS VALENTES – Luta e resistência numa vila mineira do séc. XX, da autoria de Mercedes Guerreiro
LANÇAMENTO: dia 19 de Junho (4.ª feira) às 18h30. Parque Mineiro de Aljustrel. Com apontamentos musicais.

18/06/2019
O MFA EM MOÇAMBIQUE – do 25 de Abril à Independência, da autoria de Aniceto Afonso
LANÇAMENTO: dia 18 de Junho (3.ª feira) às 18h00, na Associação 25 de Abril, em Lisboa. Apresentação: Coronel Jorge Golias e Coronel Carlos Matos Gomes

18/06/2019
LIVES IN CONTACT – A Tribute to Nine Fellow Creolinguists, Edit: Tjerk Hagemeijer, et all.
LANÇAMENTO: 18 de Junho, pelas 16h20, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (Anfiteatro III)

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99