A Igreja de S. Francisco e o Paço Real de Évora

A obra e os protagonistas 500 anos depois




Recomendar livro a um amigo
Autoria: Francisco Bilou

8,00 €
detalhes do preço

Stock: esgotado


Sinopse:

Em 1514 a obra da igreja de São Francisco de Évora chegava ao fim e outra começava nos vizinhos paços régios dando forma à «ala da Rainha», de que hoje apenas se conserva o corpo truncado, vulgarmente conhecido por «Palácio de D. Manuel». Sob direção do mesmo mestre pedreiro, o eborense Martim Lourenço, ambos os monumentos são, cinco séculos depois, testemunhos únicos da época áurea de Évora, então cidade régia e de corte, e a segunda mais importante do reino depois de Lisboa.

Índice:

Prefácio
A obra e os protagonistas 500 anos depois
A obra inicial nos reinados de D. Afonso V e D. João II
A intervenção de D. João II
A empreitada manuelina, 1497-1514
Martim Lourenço, o mestre da empreitada manuelina
A sequência da empreitada manuelina
Um documento mal datado
Lourenço Gonçalves, «carpinteiro-mor e recebedor das terecenas»
O ciclo de obras de 1503 a 1507
4 de Outubro de 1507, celebração do «cerramento» do corpo da igreja
Olivier de Gand, o mestre Olivel
Francisco Henriques, o pintor dos vitrais e dos retábulos da igreja
A empreitada de pintura de Francisco Henriques
O portal principal da igreja
As últimas obras no corpo do mosteiro
Martim Lourenço, «mestre das obras de pedraria da cidade e paços dela»
Álvaro Velho, «vedor e recebedor que foi da obra…»
Ainda Martim Lourenço e Álvaro Velho
Algumas ideias finais...
Tabela cronológica


O AUTOR:
Francisco Bilou (Évora, 1960) é licenciado em História, Ramo Património Cultural (1999) e mestre em Arqueologia & Ambiente (2009) pela Universidade de Évora.Exerce funções na Câmara Municipal de Évora como técnico superior na área do Turismo, dedicando o seu tempo livre à investigação histórica, ilustração e desenho artístico.É autor de vários livros e artigos sobre história e património, alguns dos quais ilustrados e destinados ao público infanto-juvenil.

Detalhes:

Ano: 2014
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 134
Formato: 14,5x20,5
ISBN: 978-989-689-402-3
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
04/09/2017
FÉRIAS EM AGOSTO
Estimado(a)s Clientes e Amigo(a)s Entre 31 de Julho e 1 de Setembro não podemos satisfazer quaisquer encomendas, por motivo de Férias do pessoal. A partir de 4 de Setembro retomamos a nossa actividade normal. Pedindo desculpas por eventuais incómodos, agradecemos a vossa preferência... COLIBRI com gosto, para LER também em AGOSTO!

02/09/2017
FRANCO ATIRADOR – Textos de Cidadania de um Alentejano de Estremoz, da autoria de Hernâni Matos
LANÇAMENTO: Dia 2 de Setembro de 2017 (sábado), às 16h00, na Igreja dos Congregados, em Estremoz

24/08/2017
O BARRANQUENHO - Língua, Cultura e Tradição, da autoria de María Victoria Navas
LANÇAMENTO: Dia 24 de Agosto de 2017 (5.ª feira), às 21h00, no Museu Municipal de Arqueologia e Etnografia, em Barrancos

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99