Léveléngue

As Gravanas de Gabriela




Recomendar livro a um amigo
Autoria: Rafael Branco
Temas: Romance

Sinopse:

Esta parece ser a história de Gabriela e da sua relação com o pai omnipresente, o noivo fugitivo, a amiga traiçoeira, Camilo, os filhos adoptivos – enfim, com a vida. Porém, a história que faz dinamizar a narrativa é a de Gabriela e Camilo, que se projecta, qual espelho invertido, na de Anastácia e Leonel: e o percurso de ambos os pares acompanha a história do território, desde a segunda metade do século XX até ao período imediatamente posterior à independência. Através destas histórias, presentificam-se episódios históricos e vozes, gestos e actos de resistência que significam pela reconhecida referencialidade espacial e temporal – e, neste contexto, pode dizer-se que Léveléngue: As Gravanas de Gabriela partilha características de uma narrativa histórica, pela saturação de sinais reconhecíveis e identificáveis como históricos, embora não haja efabulação de um acontecimento que constitua a trama diegética (por exemplo, o massacre de Batepá aparece como um episódio, apenas, da história de vida de Gabriela e Camilo), fazendo coexistir, num mesmo universo diegético, eventos e personagens históricos e inventados . Vários eventos conjugam-se na construção de um software psicossocial que suporta, e explica, a emergência do nacionalismo são-tomense, apresentado na sua diversidade de actuação e de actores sociais que convergem nas aspirações, embora constituindo identidades singulares, que, grosso modo, apontam para a configuração do projeto de um país independente. [do Prefácio, de Inocência Mata]

Índice:

O AUTOR:
Joaquim Rafael Branco nasceu em São Tomé, a 7 de Setembro de 1953. Tem uma licenciatura em Relações Internacionais e uma Pós-graduação em Gestão de Empresas. Desempenhou vários cargos a nível nacional tendo assumido responsabilidades governativas em vários Governos da Republica. Foi embaixador de São Tomé e Príncipe nas Nações Unidas, nos Estados Unidos da América, no Canadá e Brasil e, de 1996 a 2000, exerceu o cargo de Secretário Executivo Adjunto da CPLP. Foi membro fundador e Director Económico da Agência Nacional de Petróleos de São Tomé e Príncipe. Actualmente dedica-se inteiramente à actividade privada no quadro da empresa de Consultoria, RMB SOLUTIONS. Neste contexto realizou vários estudos e profere palestras sobre temas ligados ao desenvolvimento do sector privado. É autor de Makuta, Antigamente Lá na Roça (novela), Os Caminhos da Democracia: A Transição Democrática em São Tomé e Príncipe (ensaio), Fragmentos de um Sonho Vivido (poesia) e Léveléngue: As Gravanas de Gabriela, novela com a qual ganhou a menção Honrosa do Prémio SONANGOL, em 2005. Foi fundador do jornal A Nova república de 1991 a 1994 e do semanário O Correio da Semana, de 2005 a 2010. Foi militante e Presidente do MLSTP/PSD e actualmente é membro do Partido para a Estabilidade e Progresso Social.

Detalhes:

Ano: 2015
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 154
Formato: 23x16
ISBN: 978-989-689-500-6
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
28/11/2017
E ANICETO VEM À LUZ, da autoria de Joseia Matos Mira
LANÇAMENTO: Dia 28 de Novembro de 2017 (3.ª feira), às 18h00, na Biblioteca Palácio Galveias, em Lisboa. Apresentação: Fernando Couto e Santos

28/11/2017
CONVERSAS SOBRE HISTÓRIA DA MÚSICA, da autoria de Jorge Costa Pinto
LANÇAMENTO: dia 28 de Novembro de 2017 (3.ª feira), entre as 11h30 e as 12h30, na Salão Nobre Academia Sénior, na Parede

27/11/2017
ROMEU CORREIA, com coordenação de Edite Simões Condeixa
LANÇAMENTO: Dia 27 de Novembro de 2017 (2.ª feira), às 18h00, no Fórum Municipal Romeu Correia, em Almada. Apresentação: Vitor Fernandes – poeta e romancista

25/11/2017
ANTÓNIO MARIA LISBOA – Eterno Amoroso, da autoria de Joana Lima
LANÇAMENTO: dia 25 de Novembro de 2017 (sábado), às 17h00, na Livraria Letra Livre, Galeria Zé dos Bois, em Lisboa

20/11/2017
JOÃO INOCÊNCIO CAMACHO DE FREITAS, da autoria de João Abel de Freitas
APRESENTAÇÃO: Dia 20 de Novembro de 2017 (2.ª feira), às 18h00, Auditório da Reitoria da Universidade da Madeira. Apresentação – Marcelino de Castro (Director da Revista Islenha)

18/11/2017
ANGOLA – O 4 de Fevereiro de 1961 em Luanda e Outras Memórias, da autoria de César Gomes
LANÇAMENTO: dia 18 de Novembro de 2017 (sábado), às 15h30, Auditório do Hotel Solverde, Granja (Espinho)

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99