O Discurso da Cumplicidade (2.ª ed.)

Dramaturgias Contemporâneas




Recomendar livro a um amigo
Autoria: Ana Pais

Sinopse:

«Contribuição fundamental deste pequeno volume é então o desenvolvimento de uma “teoria da cumplicidade” enquanto resposta, a nível do discurso crítico, a uma demanda que funda a própria ética dramatúrgica. A teoria da cumplicidade que Ana Pais articula não só é pertinente apenas para um entendimento das práticas performativas contemporâneas – o que a autora demonstra claramente nos casos que analisa da actual cena europeia – é também fundamental para um reposicionamento do olhar perante tais práticas. Tal reposicionamento cúmplice implica tanto o olhar do público quanto o olhar do crítico.» [André Lepecki – PROFESSOR DA UNIVERSIDADE DE NOVA IORQUE]

Índice:

2.ª edição – Nota prévia

Criar cumplicidades

Prefácio

Introdução


I. CONCEITOS E CONTEXTOS

Um conceito-hidra
Dramaturgia institucional e dramaturgia do espectáculo
Tarefas e funções do dramaturgista contemporâneo
Figurações do dramaturgista
Dramaturgia como didáctica
Lessing – o crítico e o educador no teatro

Práticas dramatúrgicas
Dramaturgia da leitura
Brecht – versões e técnicas de adaptação
O teatro de conceito
A performance

Dramaturgia do olhar
Paradigmas internacionais: Holanda e Bélgica (anos 80 90)
Dramaturgia do espaço
Implicações terminológicas


II. PARA UMA TEORIA DA CUMPLICIDADE

O discurso da cumplicidade
O outro lado do espectáculo
O discurso da cumplicidade
Enigmas da invisibilidade
Crimes sob suspeita
Movimentos do discurso: trajectórias da participação

Cumplicidades do mundo
O espectáculo do mundo
A retórica do visível

CONCLUSÃO – O CRIME COMPENSA

BIBLIOGRAFIA


Data de Publicação: JANEIRO DE 2016


A AUTORA:

Ana Pais nasceu em Lisboa, em 1974. É investigadora em artes performativas, dramaturgista e curadora. Em 2014, obteve o grau de doutoramento summa cum laude em Estudos de Teatro na Universidade de Lisboa sobre o tópico: “Comoção: os ritmos afectivos do acontecimento teatral”. Desde 2000, participa em colóquios nacionais e internacionais, tendo publicado vários artigos. Foi crítica de teatro entre 2003 e 2004 nos jornais Público, Expresso e Sol e membro do júri de várias edições do Prémio da Crítica da APCT. Entre 2005 e 2010, leccionou na Escola Superior de Teatro e Cinema. Como dramarturgista, colaborou com criadores de teatro e dança em Portugal. Ao longo dos últimos treze anos, concebeu, coordenou e produziu vários eventos de curadoria discursiva, dos quais se destaca o ciclo de conferências O Poder dos Afectos (Culturgest, Fev. 2015). Actualmente, é investigadora de pós-doutoramento no CET - Universidade de Lisboa / McGill University como bolseira da FCT.

Detalhes:

Ano: 2016
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 134
Formato: 23x16
ISBN: 9789727724659
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
11/05/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
Tertúlia "Café com Livros" – LEIRIA – dia 11 de Maio (sáb.), às 15h00, a convite de Rosa Maria Neves

06/05/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
APRESENTAÇÃO: dia 6 de Maio (2.ª feira), às 14h30, na Escola Básica e Secundária Gil Vicente, Rua da Verónica, n.º 37 – 1170-384 Lisboa. Conversa com a Autora e com a historiadora Luísa Tiago de Oliveira

30/04/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
APRESENTAÇÃO – SANTARÉM – dia 30 de Abril (3.ª feira), às 21h00, integrada nas festas do 25 de Abril da cidade. Com Ana Carita e Helena Pato

27/04/2019
AS GARGALHADAS DE MESTRE JUJU, da autoria de Goretti Pina
APRESENTAÇÃO: 27 de Abril (dom.) às 17h00, na Casa do Alentejo, em Lisboa. Apresentação: Dolores Onofre, Lura, Mário Máximo, Solange Salvaterra Pinto, Samuel F. Pimenta, Maria Dovigo e Rosa Calado Intervenção artística: Filipe Santo e Marlene Pinto

24/04/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
Conversa com a AUTORA sobre o livro e sobre "Ser jovem antes do 25 de Abril" – LISBOA – dia 24 de Abril (4.ª feira), às 16h00, na Escola António Arroio

22/04/2019
A NOITE QUE MUDOU A REVOLUÇÃO DE ABRIL, coord. de Carlos de Almada Contreiras
LANÇAMENTO: dia 22 de Abril de 2019 (2.ª feira), às 18h00, na Associação 25 de Abril, em Lisboa. Apresentação: Embaixador Francisco Seixas da Costa

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99