Francis Crick

DNA, o puzzle 3D




Recomendar livro a um amigo

Sinopse:

Fui a Cambridge e vi o modelo e conheci Francis [Crick] e Jim [Watson]. Foi o dia mais emocionante da minha vida. A dupla hélice do DNA foi uma experiência reveladora; para mim, tudo encaixava e a minha futura vida científica foi decidida ali, naquele momento. Quando o artigo apareceu, algumas semanas depois, não foi bem recebido pelo sistema instituído, composto basicamente por bioquímicos profissionais. Eles não podiam ver, na época, quão profundamente isso mudaria o seu tema, ao oferecer-nos um enquadramento para estudar a química da informação biológica. ¶¶ [Sydney Brenner, 1953] ******************************************************* Aos sessenta anos, meu avô, Francis Crick, foi para os EUA e dirigiu a sua atenção para a neurobiologia teórica. Durante os 28 anos seguintes, trabalhou no avanço do estudo sobre a consciência humana. Foi quando eu o conheci melhor. Tinha sobrancelhas brancas, uma risada retumbante e uma cintilação sorridente nos seus olhos. Quando eu estava no início da adolescência, levava-me para o seu escritório no Instituto Salk na Califórnia. Durante a faculdade, ajudou-me a encontrar um estágio trabalhando lá, num laboratório. As paredes do seu escritório tinham um quadro-preto muito usado e retratos de Charles Darwin e Einstein. Numa mesa lateral exibia um modelo do DNA e outro do cérebro. Não sei o que esperava ver, mas este não era um laboratório com tubos de ensaio e microscópios; esses, ele deixou-os em Cambridge, Inglaterra. Quando lhe pedi para explicar o que fazia no Instituto Salk, disse-me: “Eu penso”. ¶¶ [Kindra Crick, 2017]

Índice:

Francis Harry Compton Crick

Explosivos e explosões

O estudante

Crick na Guerra

Recomeçar

Polipéptidos e Proteínas

A descoberta do DNA

James Watson em Cambridge

Maurice Wilkins e Rosalind Franklin em Londres

DNA – puzzle 3D

Códigos

La Jolla, Califórnia

Não é defeito, é feitio

Notas

Saber +



AUTORA:

Raquel Gonçalves-Maia. É química por formação e renascentista por vocação. Trabalha a Ciência, a História da Ciência e a Filosofia da Ciência. ¶ Desenha pontes entre a Ciência, a Arte e a Literatura. Divulga.

Detalhes:

Ano: 2018
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 84
Formato: 21x15
ISBN: 978-989-689-749-9
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
29/06/2019
SÃO BARTOLOMEU DE MESSINES E O CONCELHO DE SILVES, da autoria de Aurélio Nuno Cabrita
LANÇAMENTO: 29 de junho (sáb.), às 16h00, no Auditório Francisco Vargas Mogo, CCAM, em São Bartolomeu de Messines. Apresentação: Prof.ª Doutora Maria João Raminhos Duarte

21/06/2019
ARTES PLÁSTICAS, da autoria de Paula Henriques
APRESENTAÇÃO: dia 21 de Junho (6.ª feira), às 18h00, na Casa do Alentejo em Lisboa. Apresentação: Margarida Tengarrinha

19/06/2019
O TRIUNFO DOS VALENTES – Luta e resistência numa vila mineira do séc. XX, da autoria de Mercedes Guerreiro
LANÇAMENTO: dia 19 de Junho (4.ª feira) às 18h30. Parque Mineiro de Aljustrel. Com apontamentos musicais.

18/06/2019
O MFA EM MOÇAMBIQUE – do 25 de Abril à Independência, da autoria de Aniceto Afonso
LANÇAMENTO: dia 18 de Junho (3.ª feira) às 18h00, na Associação 25 de Abril, em Lisboa. Apresentação: Coronel Jorge Golias e Coronel Carlos Matos Gomes

18/06/2019
LIVES IN CONTACT – A Tribute to Nine Fellow Creolinguists, Edit: Tjerk Hagemeijer, et all.
LANÇAMENTO: 18 de Junho, pelas 16h20, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (Anfiteatro III)

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99