Retratos de Passagem




Recomendar livro a um amigo
Autoria: Leonor Sobral
Temas: Contos

Sinopse:

Mundo espesso de ferocidade e de escassez, em tempos de Estado Novo, da Grande Guerra e na culminância da Guerra Civil Espanhola, onde vidas o perfuram condicionadas pelo género, padecimentos, geografia e demais conjunturas; Nele se eternizam intrépidas paixões como aquela entre Alberto Caeiro e a amada quimérica; como a realidade amorosa entre Bernardino Távora e a amada efetiva Carol Joyce, estes, arquétipos de existências com cintilações não complanares. Nele se abate o peso das guerras, a vaticinar metamorfose nos direitos do género feminino – ainda incompleta no presente – numa luta desigual mas que esmagará, a seu tempo, a argumentação Freudiana: “a anatomia é o seu destino”. ******************************************************** “Mamã Laurinda, como gostaria de lhe contar o que os meus olhos por vezes não querem acreditar no que vêm. Tudo é tão maravilhoso! Até a chuva que cai é gloriosa. Jamais deixarei de amar a minha aldeia, apesar da pobreza aí estar institucionalizada graças às políticas Salazaristas, mas em Paris é tudo tão novo, tão excitante! A nossa estadia aqui tem sido linda. Penso muito na relatividade do conceito «tempo-mudança». Neste momento e nesta grande cidade anseio que o tempo não passe, que tudo se mantenha como está. Para o meu País desejo mudanças profundas, que a terra rode rápido para que a luz emanada da fonte aí se inscreva e não a luz peneirada.” (…)

Índice:

Aviso ao Leitor

Prefácio

Suite para alaúde
1939 – Parte I
1939 – Parte II

Um fazedor de brisas
1914-1915 – Parte I

1914-1915 – Parte II

Notas finais


A AUTORA:

Leonor Sobral (pseudónimo) nasceu em Lisboa. Licenciou-se em Biologia pela Universidade do Porto. Fez o Curso de Gestão de Projectos de Educação Ambiental e uma pós-graduação em Gestão Ambiental.
É coautora de várias obras temáticas de divulgação e tem participado em algumas Antologias Poéticas. Os seus dois últimos livros são: “Os Eco-Heróis no Planeta Verde” (livro Infanto-juvenil) e “Sopro” (livro de poesia). Tem artigos temáticos divulgados em jornais e revistas.

Detalhes:

Ano: 2017
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 124
Formato: 23x16
ISBN: 978-989-689-710-9
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
11/05/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
Tertúlia "Café com Livros" – LEIRIA – dia 11 de Maio (sáb.), às 15h00, a convite de Rosa Maria Neves

06/05/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
APRESENTAÇÃO: dia 6 de Maio (2.ª feira), às 14h30, na Escola Básica e Secundária Gil Vicente, Rua da Verónica, n.º 37 – 1170-384 Lisboa. Conversa com a Autora e com a historiadora Luísa Tiago de Oliveira

30/04/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
APRESENTAÇÃO – SANTARÉM – dia 30 de Abril (3.ª feira), às 21h00, integrada nas festas do 25 de Abril da cidade. Com Ana Carita e Helena Pato

27/04/2019
AS GARGALHADAS DE MESTRE JUJU, da autoria de Goretti Pina
APRESENTAÇÃO: 27 de Abril (dom.) às 17h00, na Casa do Alentejo, em Lisboa. Apresentação: Dolores Onofre, Lura, Mário Máximo, Solange Salvaterra Pinto, Samuel F. Pimenta, Maria Dovigo e Rosa Calado Intervenção artística: Filipe Santo e Marlene Pinto

24/04/2019
A NOITE MAIS LONGA DE TODAS AS NOITES, de Helena Pato
Conversa com a AUTORA sobre o livro e sobre "Ser jovem antes do 25 de Abril" – LISBOA – dia 24 de Abril (4.ª feira), às 16h00, na Escola António Arroio

22/04/2019
A NOITE QUE MUDOU A REVOLUÇÃO DE ABRIL, coord. de Carlos de Almada Contreiras
LANÇAMENTO: dia 22 de Abril de 2019 (2.ª feira), às 18h00, na Associação 25 de Abril, em Lisboa. Apresentação: Embaixador Francisco Seixas da Costa

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99