Manifestações Culturais São-Tomenses

Apontamentos, Comentários, Reflexões




Recomendar livro a um amigo
Autoria: Lúcio Neto Amado

Sinopse:

Esta é a terceira edição de uma obra que surgiu a partir de uma ideia que o autor teve ao contemplar um grupo de miúdos que tentava imitar, de uma forma desajeitada, gestos de uma dança de São Tomé e Príncipe, numa representação feita no bairro onde residiam. ¶ (…)¶ A terceira edição surge assim como uma singela homenagem a todos os actores culturais do arquipélago de São Tomé e Príncipe que lutam, no quotidiano, com dificuldades, acrescidas relativamente ao esquecimento a que a Cultura parece estar votada. Exemplo disso é a falta de estudiosos das Línguas Nacionais. ¶ Existe um grupo reduzido de “carolas” que lutam com tenacidade para que as línguas faladas pelos nossos antepassados não caiam, definitivamente, no esquecimento. ******************************************************** O conjunto de recolhas que constitui a presente obra traduz a preocupação de fixar aspectos das manifestações culturais São-Tomenses como contributo para a exploração das suas características no contexto africano e europeu e seu enquadramento no espaço da lusofonia. ¶ Manifestações Culturais São-Tomenses (apontamentos, comentários, reflexões) apresenta reflexões... sobre outras manifestações culturais instituídas, convida(ndo) a ter em conta quer a vida política, quer a vida social [no sentido abrangente do termo], porque na verdade, as situações, por vezes caricatas, que surgem no dia-a-dia das populações das duas ilhas, configuram uma dinâmica de convivência em que a ostentação e opulência convivem paredes-meias com a pobreza extrema.

Índice:

Prefácio da terceira edição

Introdução

Capítulo I – Os conjuntos musicais de destaque no arquipélago
1.1. História dos conjuntos musicais
1.1.1. O que era, de facto, uma Tuna?
1.2. Conjuntos e grupos musicais mais destacados
1.2.1. Uémbé e Buzilense, os dois conjuntos mais influentes dos anos 30 a 50
1.2.2. Outros conjuntos
1.2.3. O “desfile” dos conjuntos que actuaram nos palcos da ilha de São Tomé
1.2.4. Os conjuntos que mais se destacaram na Ilha do Príncipe
1.2.5. Síntese dos conjuntos que marcaram decisivamente a História Musical do Arquipélago
1.3. Os principais compositores populares das ilhas.
1.3.1. Grandes compositores populares
1.3.2. Conversa com o compositor Cardoso
1.3.3. Pequenos compositores populares
1.4. Espaços de dança mais emblemáticos

Capítulo II – Os espaços inconsequentes e a teia labiríntica das
tradições são-tomenses
2.1. A tradição versus modernidade
2.2. O lugar da gastronomia
2.3. Festas regionais de São Tomé e Príncipe
2.3.1. O desenrolar das festividades religiosas nas vilas
2.3.2. Matinés dançantes – uma autêntica “feira de vaidades”
2.3.3. O engalanamento da vila e dos lugarejos
2.3.4. Os intervenientes na «grande» festa
2.4. O ritual do casamento e do amantizar
2.5. Um olhar de afectividade para as mulheres

Capítulo III – Alguns traços da identidade cultural São-Tomense
3.1. Os músicos, os poetas, os escritores, os pintores e os escultores
3.1.1. As danças
3.1.2. O teatro e representações afins
3.1.3. Outras manifestações culturais

Capítulo IV – O discurso metafórico e inflamado nas “instituições”
4.1. Problemas do dia-a-dia
4.2. Os hábitos, as línguas nacionais e a língua oficial
4.2.1. A necessidade de busca incessante da humildade e da tolerância
4.3. Sentimento de pertença
4.3.1. O cidadão anónimo que combate o estigma do «leve-leve»
4.3.1. O lazer e os divertimentos de fim-de-semana

Lamento e homenagem

Bibliografia

Agradecimentos

Anexos


* * * * *


AUTOR:

LÚCIO NETO AMADO. Nasceu na Freguesia da Conceição, ilha de São Tomé (São Tomé e Príncipe). Fez os estudos primários em São Tomé e liceal em São Tomé e em Lisboa.
É Professor de Educação Física de profissão – Licenciado em Educação Física e em Sociologia. Leccionou em Angola, em Timor-Leste, em Portugal e em São Tomé e Príncipe.
É autor de: “Os Mares do meu Arquipélago”, 2012; “O Labirinto da Esperança”, 2014; “História da Educação em São Tomé e Príncipe”, 2018; “Maria das Tormentas”, 2019.

Detalhes:

Ano: 2020
Capa: capa mole
Tipo: Livro
N. páginas: 278
Formato: 23x16
ISBN: 9789896899769
Comentários de utilizadores

Não existem Comentários


Adicionar Comentário
carrinho de compras
notícias
03/12/2020
MUNDO(S) – Livros 9 – Coletânea de Poesia Lusófona
APRESENTAÇÃO: dia 3 (5ª feira) de dezembro, pelas 21h30, via ZOOM

31/12/2019
POLÍTICA DE PRIVACIDADE E PROTECÇÃO DE DADOS (RGPD)
RGPD: Como é do conhecimento público, o novo Regulamento Geral de Proteção de Dados é aplicável desde 25 de maio 2018 em todos os Estados-Membros da União Europeia. Navegar no nosso site implica concordar com a nossa política de privacidade (ver AQUI: https://drive.google.com/file/d/1DiXJS-AUwZBB7diQJS5xWrFBDLedWG9c/view). Se não concordar, pode contactar-nos pelos canais alternativos: e-mail ou telefone.

29/07/2013
Colibri no Facebook
A nossa página no Facebook www.facebook.com/EdicoesColibri

31/05/2013
CONTACTO
Contacto telefónico 21 931 74 99